Por que sentimos mais dor quando faz frio

Nesse caso, tomar um banho morno pode ser uma boa ideia para afastar as dores musculares

08/10/2018



Quando a temperatura cai, muita gente se queixa de sentir mais intensamente algumas dores, sejam elas novas ou as velhas conhecidas de sempre. E existe uma explicação para isso. “O frio estimula a reação dos neurônios e aumenta a sensibilidade”, afirma a O Globo o fisioterapeuta Sandro Raad.

 

Ele explica que no frio os vasos sanguíneos das extremidades do corpo (como mãos, pés e orelhas) se contraem, o que diminui o fluxo sanguíneo, sobrecarrega a musculatura e ativa os nervos dolorosos.

 

 

Pessoas que passaram por uma cirurgia recente, por exemplo, podem sentir mais esse desconforto porque a mudança de clima deixa as terminações nervosas mais sensíveis. “As cicatrizes ficam mais retraídas, causando mais dor", explica Raad.

 

Os atletas também sentem, e nos dias frios têm uma chance maior de sofrer uma lesão muscular, pois os vasos sanguíneos afinam, reduzindo o fluxo de sangue e fazendo a musculatura se contrair para regular a temperatura e a circulação de sangue pelos órgãos.

 

“Os terminais nervosos ficam mais sensíveis e tornam qualquer dor mais intensa. No frio, a musculatura tende a ficar rígida naturalmente, o que significa que estamos mais sujeitos a lesões. Para diminuir esse risco, aquecer os músculos antes de qualquer atividade física é fundamental, mesmo que o exercício não seja tão intenso”, diz Raad.

 

Outra dica para evitar as dores é manter o corpo aquecido com agasalhos ou com um bom banho. A água morna dilata os vasos sanguíneos e, consequentemente, melhora a circulação para distribuir mais oxigênio para todo o corpo.


Compartilhe:

0 Comentários:

Comentário enviado
para aprovação