Uma hora de exercício compensa o mal de trabalhar sentado

Pequenas caminhadas ao longo do dia revertem o risco de morrer prematuramente devido ao sedentarismo

07/02/2018



Passar muitas horas trabalhando sem levantar da cadeira pode prejudicar– e muito – a nossa saúde. Afinal, esse tipo de sedentarismo aumenta o risco de obesidade e até diminui a expectativa de vida. A boa notícia é que dá para compensar esse dano: basta fazer uma hora de atividades físicas por dia.

 

Uma equipe de especialistas fez uma revisão de estudos realizados com adultos com mais de 45 anos nos Estados Unidos, na Europa e na Austrália e concluiu que o risco de morte associado ao hábito de passar oito horas por dia sentado foi eliminado no grupo de pessoas que faziam ao menos uma hora de atividades físicas por dia –o artigo foi publicado no The Lancet (leia aqui, em inglês).

 

 

Os pesquisadores também descobriram que uma hora de exercícios moderados, como caminhar ou pedalar, foi suficiente para compensar os efeitos maléficos de passar muito tempo sem levantar da cadeira. “Não é preciso ser esportista nem ir à academia. Já está bom dar uma caminhada pela manhã, na hora do almoço ou após o jantar. Dá para dividir essa atividade durante o dia, mas é preciso se exercitar uma hora por dia”, explicou o autor principal do Estudo, Ulf Ekelund, professor da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, ao The Guardian (leia aqui, em inglês).

 

Ele reconhece que nem sempre é fácil dedicar tanto tempo aos exercícios, mas reforça que cada movimento importa. Sua sugestão, portanto, é começar tirando cinco minutos a cada hora, nem que seja para caminhar até a impressora ou o banheiro.


Compartilhe:

0 Comentários:

Comentário enviado
para aprovação