Poesia para combater a solidão do isolamento social

Projeto cria comunidade virtual e fortalece o senso de conexão entre seus participantes

14/09/2020



Uma série de 5 encontros virtuais que usa todos os aspectos da poesia — como ler, escrever e compartilhar as emoções — foi o meio encontrado por algumas pessoas para combater o sentimento de solidão provocado pela restrição de convivência social imposta pelo novo coronavírus.

 

Em um artigo assinado na revista de divulgação científica Scientific American, David H. Xiang e Alisha M.Yi, responsáveis por ministrar os encontros do projeto Hope Storytelling, nos Estados Unidos, relataram como a escrita introspectiva e as discussões em grupo abordaram o sentimento de solidão entre seus participantes e promoveram a sensação de conexão entre eles.

 

 

“Nesta época de isolamento social e incerteza, a necessidade de conexões significativas é mais aparente do que nunca”, escrevem os autores. “ Quanto mais a pandemia continua, nós, como nação, percebemos rapidamente que faltam ferramentas para combater o sentimento crescente de solidão.”

 

Segundo os autores, uma pesquisa publicada em 2019 mostrou que, nos Estados Unidos, um em cada quatro adultos entre 50 e 80 anos relataram que já se sentiram isolados de outras pessoas algumas vezes. Além disso, um em cada três afirmam não ter uma companhia regular. Esse mesmo estudo indicou que o sentimento de solidão também gerou problemas de saúde e adoção de hábitos prejudiciais ao bem-estar.

 

No Brasil, ainda não há números oficiais sobre a solidão.



“A maneira mais poderosa e simples de combater a solidão é nos comunicarmos e ouvirmos os outros com toda atenção e com a mente aberta”

David Xiang e Alisha Yi

Foi a partir desse conceito acima que os responsáveis pelos encontros resolveram usar a poesia como uma “cura”, por meio de reflexão individual e o compartilhamento desse aprendizado com o grupo. Foram cinco oficinas que ensinaram os participantes a escrever poesias e criar esse senso de unidade.

 

A oficina era dividida em três partes: um exercício de visualização, a discussão de um poema e tempo de escrita e reflexão individual. Ao final de cada etapa havia uma discussão em grupo. “No espaço de uma hora, o espaço virtual parecia visivelmente mais estreito, aquecido por poemas e experiências compartilhados. Ao encerrarmos, muitos participantes notaram como esse workshop oferecia, sem esforço, o espaço para simplesmente escrever, ouvir e se conectar”, afirmaram os tutores.



“O projeto Hope Storytelling reafirmou nossa crença de que a expressão criativa e o compartilhamento aberto não apenas criam uma comunidade, como também podem fortalecer nosso senso de conexão uns com os outros e com nós mesmos”


Compartilhe:

0 Comentários:

Comentário enviado
para aprovação