Exames são a melhor maneira de prevenir o câncer de próstata

Os sintomas físicos da doença só se manifestam quando ela já está em estado bastante avançado

31/10/2018



O câncer de próstata é uma doença silenciosa, que se desenvolve bem lentamente. Na maioria das vezes, esse tumor leva cerca de 15 anos até chegar a 1 cm³, de acordo com o Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), que prevê 68.220 novos casos da doença em 2018.

 

Como seus sintomas não são perceptíveis no início, a melhor maneira de detectar a doença é fazer os exames preventivos. “A fase inicial do tumor é totalmente assintomática. A maioria dos casos é diagnosticada na etapa mais precoce, quando ainda não existem sintomas urinários”, explica o urologista Francisco Kanasiro, diretor da Sociedade Brasileira de Urologia em São Paulo (SBU-SP).

 

Os homens devem começar a se preocupar com a prevenção a partir dos 50 anos, pois é nessa faixa etária que o câncer de próstata em geral se desenvolve. “Quanto maior a idade, maior a chance de desenvolver o tumor”, afirma Kanasiro. Ele só recomenda antecipar os exames preventivos aos 45 anos para quem tem fatores de risco, ou seja, possui parentes de primeiro grau — como pai, tios e irmãos — que já tiveram a doença antes dos 60 anos.

 

 

 

Sedentarismo, sobrepeso e alto consumo de proteína e gordura animal elevam o risco do câncer de próstata

Homens negros, explica o urologista, também podem ser mais propensos a ter a doença antes dos 50 anos. “Existe um fator genético bastante forte que colabora para que alguns homens tenham maior risco de desenvolver o câncer de próstata. Vários estudos norte-americanos mostram que, lá, essa chance aumenta entre a população negra. Por isso, é recomendável começar a fazer os exames aos 45 anos.” Kanasiro indica que outros fatores que elevam o risco do câncer de próstata são o sedentarismo, o sobrepeso e o alto consumo de proteína e gordura animal.

 

Alguns desconfortos comuns que os homens podem sentir no trato urinário podem tanto ser um sinal do câncer de próstata em nível avançado como sintomas de outras duas doenças da próstata que são tratáveis e não predispõem ao câncer. Uma delas é a inflamação da próstata (prostatite), e a outra, a hiperplasia benigna da próstata.

 

 

Por isso, com ou sem sintomas, é essencial começar a se prevenir a partir dos 50 anos, procurando um urologista. Afinal, quando detectado cedo, o câncer de próstata é muito pouco letal — o número de mortes fica em torno de 20%. “O rastreamento precoce é para evitar que o diagnóstico venha na fase avançada, quando a chance de cura é muito menor”, diz Kanasiro.

 


Compartilhe:

0 Comentários:

Comentário enviado
para aprovação