6 exercícios simples para melhorar a coordenação motora

Esticar os braços e as pernas é uma maneira fácil e eficiente de melhorar a sua mobilidade física

14/12/2020



A importância da coordenação motora é um daqueles temas sobre os quais eu estou sempre falando com vocês — e sempre vou bater nessa tecla, pois sou um profissional de educação física que concorda piamente com essa linha de raciocínio.

 

Mas vamos deixar de papo e ir para a prática: darei algumas dicas de exercícios para braços e pernas, para estimular movimentos mais eficientes e precisos, que você pode fazer em qualquer ambiente.

 

Os exercícios 1 a 3 são progressões de um mesmo movimento, assim como os exercícios de 4 a 6.

 

Vamos começar?

 

 

Exercício 1: Elevação da coxa

Este exercício fortalece a ligação entre a coxa e a pelve (na junta do quadril) e a parte baixa do abdome.

 

Como fazer:

De pé, pare em uma posição e, sem usar os braços, eleve o joelho (você também pode ficar apoiado na parede e segurar levemente o joelho para mantê-lo na posição).

 

Segure a posição entre 30 segundos e um minuto.

 

Repita o movimento 4 vezes.

 

Exercício 2: Marcha parada

Essa é a primeira progressão desse exercício. Desta vez, também vamos colocar os braços para trabalhar.

 

Como fazer:

Com os braços flexionados a 90 graus, incline o corpo levemente para a frente.

 

Sem sair do lugar, realize o movimento “marchando”, de 30 segundos a 1 minuto (quem tem experiência pode fazer em ritmo de corrida).

 

Faça o exercício 4 vezes.

 

Exercício 3: Braços e pernas juntos 

Agora, que tal colocar braços e pernas juntos num movimento único?

 

Como fazer:

Faça movimentos simultâneos de braço e perna, levantando bem o joelho. Se você não tiver muito espaço, pode fazer esse movimento na mesma posição.

 

Marche de 30 segundos a 1 minuto ou corra com intervalo de 1 minuto entre as séries.

 

Repita o movimento 4 vezes.

 



Com esses exercícios fáceis de executar, você vai dar uma injeção de ânimo no seu corpo.

Exercício 4: Elevação da perna

Esse exercício também eleva a perna, mas agora ela estará estendida.

 

Como fazer:

Fique de pé e apoie as costas em uma superfície.

 

Eleve a perna na altura máxima que conseguir, sempre estendida, com a ponta do pé virada para você.

 

Segure a posição durante 30 segundos.

 

Faça o exercício 4 vezes.

 

Exercício 5: Elevação dos braços

 

Fique na mesma posição do exercício anterior para fazer a elevação do braço.

 

Como fazer:

Fique de pé, com os braços abaixados, e apoie as costas em uma parede.

 

Faça uma espécie de marcha, apoiado na parede. Eleve os braços até tocar na parede, acima da cabeça, ao mesmo tempo em que você eleva uma das pernas. Repita o movimento com o outro braço e a outra perna.

 

Sem sair do lugar, realize o movimento “marchando” de 30 segundos a 1 minuto (quem tem experiência pode fazer em ritmo de corrida).

 

Faça o exercício quatro vezes.

 

Exercício 6: Elevação de braços e pernas

Os braços vão até a altura do queixo, mas as pernas devem ser elevadas o máximo que você conseguir.

 

Como fazer:

Fique de pé, com os braços abaixados, desta vez, longe da parede.

 

Eleve, ao mesmo tempo, um braço e a perna oposta. O braço deve ir até a altura do queixo; as pernas devem ser elevadas à altura máxima que você conseguir.

 

Marche de 30 segundos a 1 minuto ou corra com intervalo de 1 minuto entre as séries.

 

Faça o exercício quatro vezes, com 12 repetições.

 

Podcast Comece Agora: Clique no play e ouça todos os episódios com o Robson Caetano

 

 

Com esses exercícios fáceis de executar, você vai melhorar a sua mobilidade e, por tabela, a sua qualidade de vida.

 

Se tiver qualquer dúvida, entre em contato com a gente! Eu estou aqui para tirar suas dúvidas e te ajudar. Então, #comeceagora!


Compartilhe:

0 Comentários:

Comentário enviado
para aprovação